Mostra de Teatro do Douro com excelente arranque.


O espetáculo inaugural da Mostra de Teatro do Douro, em Alijó, superou as expectativas com mais de uma centena de espectadores a assistirem ao “Bailado Russo” do Teatro Experimental Flaviense (TEF) no passado sábado.

O Teatro Auditório Municipal de Alijó voltou a receber o evento que a Associação Vale d’Ouro organiza, quatro anos depois da passagem do certame pela vila e a recetividade do público não poderia ter sido melhor. Perante dois contos de Anton Tchekov: “O Urso” e “Um Pedido de Casamento” que o TEF trouxe ao palco, Alijó aplaudiu mais uma noite de teatro.

No final do espetáculo, Rufino Martins do TEF expressou a sua satisfação pela quinta presença no festival e congratulou os dez anos de existência deste certame. Também a Vereadora da Cultura, Mafalda Mendes, deixou o desafio para que Alijó receba o evento novamente já no próximo ano depois de apontar a qualidade da peça apresentada.

A Mostra de Teatro do Douro 2018 tem ainda mais seis espetáculos, o próximo será no Auditório Municipal de Sabrosa onde o Grupo de Teatro do Centro Cultural Lordelense apresentará “O Chá de São Cornélio” uma comédia baseada em “A Mandrágora”. Ricardo Almeida, encenador, adaptou a obra-prima de Maquiavel aos tempos modernos criando uma trama que roda em torno de um emigrante que se apaixona por uma senhora casada e tenta a todo o custo dormir com ela, suplantando o marido, o maior tonto de Vila Real, que busca o mesmo fim.

Este festival vai percorrer a região do vale do Douro até 05 de maio com espetáculos na Régua, Mesão Frio, Pinhão e Santa Marta de Penaguião. O espetáculo desta semana em Sabrosa tem entrada gratuita e os espectadores podem ainda ganhar prémios só por assistirem ao evento. Todas as informações estão disponíveis em www.mostrateatrodouro.ascvd.pt .

Mais fotos:  https://www.facebook.com/media/set/?set=a.1741637629249801.1073741856.102053269874920&type=1&l=f4b05a77ee


08 abril 2018